Campanha Natal Sem Fome é relançada 10 anos após última edição

 
Fundada pelo sociólogo Betinho em 1993, a ONG Ação da Cidadania relançou no último domingo (15) a Campanha Natal Sem Fome, encerrada há dez anos. A nova edição do projeto tem a parceria inédita de duas agências da ONU — a UNESCO e a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). Iniciativa arrecadará doações de comida para populações que passam fome no Brasil.
 
A retomada da campanha será marcada pela montagem da tradicional mesa de aproximadamente 1 km no próximo domingo (22) no Aterro do Flamengo, Rio de Janeiro. Parceiros ficarão responsáveis por um espaço de 60 metros e pela doação de alimentos no local. Atividade se estenderá da passarela da rua Barão do Flamengo até a passagem de pedestres localizada em frente ao Hotel Novo Mundo.
 
O relançamento da Natal Sem Fome conta ainda com o apoio da Agência África, escritório de publicidade que preparou ações de divulgação para as TVs abertas e por assinatura, além de rádio, out of home (espaços publicitários em relógios de rua e pontos de ônibus) e sites e redes sociais. Influenciadores digitais e artistas ajudarão a mobilizar o público.
 
Já é possível fazer doações para a campanha — pelo site http://www.natalsemfome.org.br/ ou nos postos de coleta espalhados por vários estados brasileiros. A lista com todos os endereços de recebimento de doações está disponível também na página da Natal Sem Fome.
 
A Ação da Cidadania lembra que 11% da população mundial passa fome. Apenas no Brasil, 7 milhões de pessoas não têm acesso à quantidade necessária de comida para sobreviver, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
 
Fonte: Nações Unidas (ONU)
Imagem: Reprodução