fbpx

Encontro Nacional de Juventudes e Espiritualidade Libertadora

 
Com a palestra "Espiritualidade Libertadora hoje”, sob a responsabilidade de Frei Betto e Marcelo Barros, teve início oficialmente na noite da última quinta-feira, 1º de maio, o I Encontro Nacional de Juventudes e Espiritualidade Libertadora.
 
O encontro acontece na Faculdade Católica de Fortaleza, Ceará, e segue até domingo, 4 de maio, com palestras, oficinas, rodas de conversa, momentos culturais, de mística e uma vigília de espiritualidade.
 
O evento é voltado para jovens interessados em aprofundar e discutir o macrotema da espiritualidade por meio de diferentes perspectivas, como política, gênero, diversidade sexual, movimentos sociais, ecologia, ecumenismo, entre outros temas.
 
A iniciativa de conceber um momento como este, voltado para a juventude, surgiu no contexto das Jornadas Teológicas de 2011, que aconteceram no México, Guatemala, Colômbia e Chile, e do Congresso Continental de Teologia, realizado em outubro de 2012, em São Leopoldo, Estado do Rio Grande do Sul. Um grupo de teólogos da libertação pensou o Encontro como uma oportunidade de troca de vivências e experiências entre jovens que trabalham junto aos setores mais excluídos e discriminados da sociedade.
 
O I Encontro Nacional de Juventudes e Espiritualidade Libertadora é ecumênico. É uma iniciativa da Agência de Informação Frei Tito de Alencar para América Latina e Caribe (Adital) com apoio do Centro Ecumênico de Serviços à Evangelização e Educação Popular (Ceseep), Centro Superior de Estudos Teológicos e Pastorais/ PUC Minas (Cestep), Centro de Formação Terra do Sol (CHS), Rede Ecumênica da Juventude (Reju) e Sociedade de Teologia e Ciências da Religião (Soter).
 
Para debater diversos temas e questões com os jovens, o Encontro reúne importantes pensadores do Brasil e do exterior na área de espiritualidade. Entre os nomes estão - além de Frei Betto e Marcelo Barros - Leonardo Boff, Manfredo de Oliveira, Raquel Rigotto, André Musskopf e Irmã Rebeca Pires. Unindo diferentes pontos de vista, eles e elas tentam apresentar à sociedade uma resposta aos profundos questionamentos morais e espirituais que a atualidade desperta. Os temas serão discutidos em mesas redondas, oficinas e bate-papos informais.
 
O CONIC está representado no evento pela secretária geral Romi Bencke.
 
Mais informações: www.espiritualidade2014.com.br
 
Com informações da Adital
Foto: Adital